15 de jul de 2012

Foto: Leila Andrade




o caminho da água
inscrito em meu corpo
procura por liberdade

tal qual um rio 
– memória condensada –
espera pelo laço do mar
eternizado em sal





Escrito por Leila Andrade 8:23 AM

 
<BODY>